Faculdade Nova Esperança - brand

Idosos do ‘Envelhecimento Saudável’ comemoram São João na Facene/Famene

Uma festividade em forma de um verdadeiro “Arraia”. Foi desse modo, que as Faculdades de Enfermagem e de Medicina Nova Esperança (Facene/Famene) realizaram nesta terça-feira (04), uma comemoração junina que levou entretenimento e animação aos cerca de 100 idosos do projeto de extensão Envelhecimento Saudável.

O IV Arraiá do Envelhecimento Saudável realizado no Centro de Ensino das Instituições Nova Esperança em homenagem aos santos do mês de junho, trouxe muita alegria e descontração a turma da melhor idade. Na ocasião, os idosos se divertiram com diversas brincadeiras, a exemplo da apresentação da quadrilha junina. Um outro momento importante da comemoração foi a escolha do Rei e Rainha do Milho, entre os participantes do projeto.

Para avaliar o desempenho dos candidatos foi composta uma mesa com a participação da representante da coordenação de enfermagem da Facene, Cláudia Germana; representante da coordenação de medicina da Famene, Maria Nelênge; representante da secretaria da Facene/Famene, Williane Gomes; coordenadora do Comitê de Ética na Utilização de Animais (CEUA), Socorro Gadelha; e coordenadora do Comitê de Ética em Pesquisas (CEP), Rosa Rita da Conceição, entre outros.

De acordo com a coordenadora do Envelhecimento Saudável, Adriana Lira Rufino, “esse tipo de atividade gera uma maior socialização dos idosos, promovendo assim, uma melhor qualidade de vida”.

Ainda durante o evento foi realizado um sorteio que premiou os idosos com três balaios juninos repletos de mantimentos.

Ao final da atividade, todos os componentes do Envelhecimento Saudável foram convidados para saborearem um lanche a base de comidas típicas da época, como bolo de milho, canjica, pé de moleque e milho cozido.

A animação do IV Arraiá do Envelhecimento Saudável ficou por conta do trio pé de serra “Forró do Compasso”.

O projeto de extensão Envelhecimento Saudável conta com a coordenação da professora Adriana Lira Rufino e colaboração das docentes Fabiana Ferraz e Key France. A iniciativa também tem a participação de egressas do Curso de Enfermagem. No projeto atuam 16 (dezesseis) discentes de Enfermagem e de Medicina.

[nggallery id=486]