Menu principal

MENU

Faculdades Nova Esperança realizam XV Mostra de Tutoria

texto alternativo

As Faculdades Nova Esperança realizam até hoje a XV Mostra de Tutoria apresentando os estudos realizados a toda a comunidade Acadêmica no Centro de Vivência da Instituição. A Mostra teve início no dia 25 de novembro.

O Programa de Tutoria Científico-Acadêmica é parte da política de valorização do ensino de graduação e integra o conjunto das ações destinadas ao apoio à formação estudantil nas Faculdades Nova Esperança Facene/Famene. A tutoria, também chamada de mentoring, é um método muito utilizado para efetivar uma interação pedagógica. Os tutores acompanham seus alunos de forma sistemática, planejando, dentre outras coisas, o seu desenvolvimento e avaliando a eficiência de suas orientações. Os docentes têm a obrigação de guiar, estimular e incentivar os alunos a pesquisar, discutir e entender o assunto, baseado em discussões nas sessões tutoriais previamente marcadas. O grupo tutorial é composto de um tutor e 10 alunos. Dentre os alunos, um será o coordenador e outro o secretário da sessão tutorial. Os papéis de coordenador e de secretário rodiziam entre os alunos do grupo de sessão a sessão do grupo tutorial, de forma a propiciar que todos sejam coordenadores ou secretários.

A aprendizagem tutorial exige estrutura predeterminada e predefinida. Este tipo de aprendizagem tem suas raízes no cognitivismo. O tutor conhece as necessidades e soluções, pelo fato de ter vivenciado semelhantes dificuldades e por conhecer formas de superá-las. Esta estratégia de condução da aprendizagem agrada muitos alunos, por ser-lhes dada uma série de dicas sobre métodos de estudo.

A discussão de um problema se desenrola em duas fases. Na primeira fase, o problema é apresentado e os alunos formulam objetivos de aprendizado a partir da discussão do mesmo. Na segunda fase, após estudo individual realizado fora do grupo tutorial, os alunos rediscutem o problema à luz dos novos conhecimentos adquiridos. Nossas tutorias iniciam desde a primeira turma de medicina, os quais são dados casos clínicos, previamente elaborados por docentes destas Faculdades, e são distribuídos para os alunos, os quais irão acontecer em três sessões. O objetivo de um problema é suscitar uma discussão produtiva do grupo tutorial. Ao fim desta discussão, os alunos devem eleger objetivos de estudo que permitam o aprofundamento de seus conhecimentos sobre o tema gerador do problema. Na última sessão, será elaborado um relatório por escrito e avaliamos a progressão do aluno e a avaliação da qualidade dos trabalhos pedagógico/didáticos. Depois de concluído todos os casos, nós promovemos uma Mostra de tutoria, onde são apresentados temas sobre os assuntos estudados durante o semestre exposto em Painéis, estes serão avaliados por uma comissão executiva composta somente por docentes e selecionados três melhores trabalhos. Todos os resumos dos painéis são publicados em Anais divulgados no site destas Faculdades.

O método PBL (Problem Based Learning) é uma estratégia pedagógico/didática centrada no aluno e trata-se de um método de eficiência comprovada por inúmeras pesquisas no campo da psicopedagogia e da avaliação de desempenho dos profissionais formados por esse método.

Selo – SAEME
Selo – Hospital Universitário Nova Esperança
Selo – Ciencias sem Fronteiras
Selo – Fisio
Selo – abmes
Selo 2
Selo 1